segunda-feira, 29 de agosto de 2016

[Actualidade] Explosão na Pontinha Faz dois Feridos Graves

Texto: Isabel de Almeida/ João Aguiar Cadete e Miguel Garcia

Foto: Diário Imagem/Direitos Reservados

Diário do Distrito & Nova Gazeta



Uma explosão no interior de uma garagem na Pontinha, Concelho de Odivelas, alarmou esta madrugada os residentes. Eram cerca das 3 horas e 56 minutos quando se deu o incidente, em plena zona urbana, num prédio onde existem estabelecimentos comerciais, habitações e que se localiza próximo de um posto de abastecimento de combustível e do Quartel da Pontinha.

Por volta das 3 horas e 56 minutos desta madrugada os habitantes de uma zona urbana no centro da Pontinha, Freguesia do Concelho de Odivelas, foram supreendidos por uma violenta explosão que ocorreu numa garagem perto do posto de abastecimento da Galp, e que presta apoio ao mesmo, em frente ao Quartel da Pontinha, na Rua Regimento de Engenharia.

Dado o alerta, o edifício, onde se localizam outros estabelecimentos comerciais e também habitações foi evacuado por precaução, encontrando-se a zona vedada, enquanto decorrem as investigações das autoridades no local.

Fonte local informou o Diário do Distrito de que a Polícia Judiciária esteve presente na medida em que existem suspeitas de prática criminosa. 

Conforme confirmou ao nosso jornal fonte do Comando Metropolitano da PSP de Lisboa, no âmbito das primeiras investigações, ocorreu um assalto à garagem, tendo sido subtraída uma quantia em dinheiro ainda não apurada. O incêndio terá sido causado por uma beata de cigarro (detalhe ainda em investigação) faltando ainda apurar se ocorreu para despistar o assalto ou para arrombar as portas da garagem.

De acordo com fonte dos Bombeiros Voluntários da Pontinha, foram mobilizados para o Teatro de Operações [TO] 39 operacionais apoiados por 16 veículos. Estiveram presentes representantes da Protecção Civil Municipal, o Vereador responsável pelo Pelouro da Protecção Civil, a PSP, o INEM e uma Brigada de Investigação da Polícia Judiciária.

Do incêndio e explosão, e respectivas operações de intervenção no local resultaram dois feridos civis graves [dois suspeitos do assalto, com idades na casa dos vinte anos] e dois feridos leves, da Corporação de Bombeiros da Pontinha. Todos os feridos foram conduzidos Hospital Beatriz Ângelo.

Os dois feridos graves encontram-se a receber assistência médica na Unidade de Cuidados Intensivos do Hospital Beatriz Ãngelo, apresentando queimaduras graves que correspondem a cerca de 30 a 40% de área corporal afectada, segundo fonte da PSP.

Um dos feridos ligeiros teve, entretanto, alta hospitalar, esperando-se que o outro ferido ligeiro, também Bombeiro, venha a receber alta durante a tarde.

A garagem encontra-se totalmente destruída e continuam as investigações, entretanto confiadas à Polícia Judiciária.

Sem comentários:

Publicar um comentário