sábado, 10 de abril de 2021

O testemunho inspirador de um sobrevivente de Auschwitz, Eddie Jaku

 Eddie Jaku é um sobrevivente do maior horror de que há memória: o Holocausto. O ódio que alimentou a máquina assassina nazi, porém, não encontrou morada no coração de Eddie. Neste livro partilha com o mundo a sua história e passa a mensagem mais importante de todas, com particular relevância nos dias que correm: o ódio é uma doença que destrói tudo à sua passagem.

Por ocasião do seu 100. º aniversário, Eddie Jaku oferece-nos um testemunho poderoso, desolador e, ao mesmo tempo, derradeiramente optimista de como a felicidade pode ser encontrada até no momento mais sombrio da Humanidade.

 

Sinopse:

Eddie Jaku nasceu na Alemanha em 1920 no seio de uma família judaica. Sempre se orgulhara da sua nacionalidade alemã, considerando-a o elemento mais importante da sua identidade: antes de ser judeu, era alemão. No entanto, tudo isso mudaria drasticamente em Novembro de 1938, quando foi detido, espancado e levado para um campo de concentração por soldados nazis.

Ao longo dos sete anos seguintes, Eddie enfrentou diariamente os maiores e mais desumanos horrores que alguém pode conceber, primeiro em Buchenwald, depois em Auschwitz e, por fim, numa marcha de morte Nazi. Perdeu familiares, amigos, o seu país.

Por ter sobrevivido, Eddie fez uma promessa: sorrir todos os dias.

75 anos depois, decidiu contar a sua história em homenagem a todos os que pereceram, partilhando o que apendeu e vivendo em pleno a vida que lhe foi concedida. Hoje, acredita que é «o homem mais feliz do mundo».


O que diz a crítica:

«Que ser humano tão belo e maravilhoso.» Magda Szubanski

«Depois de ler este livro, sinto que fiz um amigo. Uma história bela contada por um homem verdadeiramente surpreendente.» Daily Telegraph

«Eddie olhou o mal olhos nos olhos e permaneceu alegre e gentil… A sua filosofia é uma afirmação de vida.» Daily Express

«Este relato tão simples e comovente de uma vida notável dá-nos a todos muito que pensar e reflectir… Leitura obrigatória.» Canberra Weekly





 

sexta-feira, 9 de abril de 2021

A história de que precisamos. O amor renascido no novo romance de José Gardeazabal.

 Quarentena, uma história de amor é o novo romance de José Gardeazabal, que tem sido assinalado como uma nova e importante voz na literatura contemporânea.

O novo livro do autor, que a Companhia das Letras lança a 23 de Março, concentra-se num casal decidido a separar-se mas que, por força da chegada de uma pandemia, se vê obrigado a conviver nos 40 dias que durará a quarentena obrigatória.

 

Este é o terceiro romance de José Gardeazabal, depois de Meio Homem, Metade Baleia, finalista do Prémio Oceanos 2019, e de A Melhor Máquina Viva, um dos livros do ano 2020 para o Expresso e Público («vem confirmá-lo como uma das grandes vozes da literatura portuguesa»).


SINOPSE

 

Um casal, decidido a separar-se e de malas feitas, é obrigado pelas autoridades de saúde a uma quarentena. O seu apartamento transforma-se numa arena de proximidade física e distâncias calculadas, onde os restos da vida amorosa e o trautear televisivo de uma pandemia mudam o mundo por dentro e por fora. Ali, sob o regime forçado de uma intimidade perdida, percebemos como, entre antigos amantes, vizinhos e desconhecidos, a saudade das multidões e dos sentimentos sempre estiveram à altura de nos resgatar do peso do presente.   

Um olhar provocador sobre uma experiência coletiva. Uma introspeção inesperada, à porta fechada, sobre o que é o amor, onde começa, acaba e recomeça.  Uma história de amor em 40 dias.


Sobre o autor: 


José Gardeazabal nasceu em Lisboa, onde vive atualmente. Viveu, trabalhou e estudou em Luanda, Aveiro, Boston e Los Angeles. Recipiente do Prémio INCM/Vasco Graça Moura, pelo seu livro de poesia história do século vinte, em 2016, publica nesse mesmo ano Dicionário de ideias feitas em literatura. No ano seguinte, lança-se na dramaturgia com a publicação de Trilogia do olhar. Em 2018, a Companhia das letras lança o seu primeiro romance, Meio homem metade baleia, e dois anos depois é publicado A Melhor Máquina VivaQuarentena, uma história de amor é o seu terceiro romance. 







quinta-feira, 8 de abril de 2021

A Bia e o Unicórnio estão de volta!

Coleção de BD de Dana Simpson conta já com 10 títulos e é uma das favoritas dos mais jovens leitores portugueses.

  

«A Bia é uma menina surpreendentemente real, tão brilhante e imaginativa como o Calvin, de Bill Watterson, tão comoventemente vulnerável como o Charlie Brown, de Charles Schulz.»  Peter S. Beagle




quarta-feira, 7 de abril de 2021

 Nessa Art Spot: Peças personalizadas, feitas à mão, com base em fotos do seu animal de estimação. O presente perfeito para todos aqueles que têm uma família de quatro patas!

https://www.facebook.com/NessaArtSpot





O Macaco Rabugento não quer dormir De Suzanne Lang e Max Lang

Depois do sucesso de O Macaco Rabugento, chega agora uma nova história do macaco Quim Panzé! Desta vez, ele não quer dormir… Conheçam estes divertidos livros de Suzanne Lang sobre como lidar com sentimentos difíceis de explicar, e que não devemos reprimir.




 

terça-feira, 6 de abril de 2021


 

Gambito de Dama, de Walter Tevis

O romance que deu origem à série mais vista da história de Netflix. Um romance viciante, acelerado e com uma tensão que não diminui a cada jogo, a cada viagem, a cada momento de abandono da protagonista, que sempre oscila entre o sucesso e o abismo, ficará no coração dos leitores. E também servirá como uma introdução ao mundo do xadrez, que, como Beth Harmon, parece calmo e acessível, mas contém um vulcão de paixões e perigos escondidos.

SINOPSE Quando a mãe de Beth Harmon, de oito anos, morre num acidente de viação, a menina é enviada para orfanato em Mount Sterling, Kentucky. Simples, taciturna e tímida, ao que tudo indica, Beth não se destaca… até jogar a sua primeira partida de xadrez. Os seus sentidos ficam mais aguçados, o pensamento mais claro e, pela primeira vez na sua vida, ela sente-se totalmente no controlo. Sem dinheiro nenhum, Beth está desesperada para aprender mais sobre esse jogo que se tornou a sua vida - rouba uma revista de xadrez, dinheiro suficiente para entrar num torneio e também alguns dos tranquilizantes da mãe adoptiva, nos quais está viciada. Aos treze anos, vence um torneio de xadrez; aos dezasseis, compete no US Open Championship; aos dezoito, é campeã dos Estados Unidos - e a Rússia espera por ela… Mas, à medida que Beth aprimora as suas habilidades no circuito profissional, as apostas ficam mais altas, o seu isolamento fica mais assustador, as suas incontroláveis adicções e a ideia de escapar tornam-se ainda mais tentadoras. o seu país.




segunda-feira, 5 de abril de 2021

 


Novo romance de Daniel Silva | A Ordem

 Gabriel Allon está a passar umas discretas e muito necessárias férias familiares em Veneza. O seu sossego é interrompido quando o Papa Paulo VII morre de forma inesperada e o leal secretário pessoal do Santo Padre, o arcebispo Luigi Donati, chama Gabriel a Roma.


Mil milhões de católicos foram informados de que a morte do Papa se ficou a dever a um ataque cardíaco. Contudo, Donati tem duas boas razões para pensar que o Sumo Pontífice foi assassinado. A primeira é o estranho desaparecimento do guarda suíço que nessa noite estava de serviço nos aposentos pontifícios. A segunda, a carta dirigida a Gabriel que o Santo Padre estava a escrever nas suas derradeiras horas de vida.

«Enquanto pesquisava no Arquivo Secreto do Vaticano, deparei-me com um livro absolutamente notável.» O livro em questão é um Evangelho há muito suprimido, um Evangelho que questiona a precisão da imagem dada pelo Novo Testamento de um dos acontecimentos mais prodigiosos da história da Humanidade. Por essa razão, a Ordem de Santa Helena, uma obscura sociedade católica com ligações à extrema-direita europeia, não se deterá perante nada para evitar que caia nas mãos de Gabriel. Em paralelo, conspiram para se apropriarem do trono de São Pedro. Mas isso é apenas a ponta do icebergue.


À medida que, em Roma, os cardeais se vão reunindo para o conclave, Gabriel Allon embrenha-se numa investigação desesperada para reunir provas da conspiração da Ordem e para encontrar o Evangelho há muito desaparecido e que poderia pôr termo a dois mil anos de ódio mortal.




DANIEL SILVA, número um da lista de best sellers do The New York Times, é o
galardoado autor de 
O Espião InglêsA Viúva NegraCasa de Espiões e A Rapariga Nova, editados com enorme sucesso pela HarperCollins Ibérica. Os seus livros, publicados em mais de trinta países, encontram-se entre os mais vendidos em todo o mundo. Membro do Conselho do Museu do Holocausto dos Estados Unidos, Daniel Silva, de ascendência portuguesa, vive atualmente na Florida com a mulher, Jamie Gangel, e os dois filhos, Lily e Nicholas.

domingo, 4 de abril de 2021

 Nessa Art Spot: Peças personalizadas, feitas à mão, com base em fotos do seu animal de estimação. O presente perfeito para todos aqueles que têm uma família de quatro patas!

https://www.facebook.com/NessaArtSpot





A ARTE DE COMUNICAR COM SUCESSO De Dale Carnegie

Um livro fundamental para aprender a comunicar com eficácia e alcançar os resultados que deseja.

 

O acto de comunicar é uma das características mais importantes do ser humano, aquilo que lhe permite viver em comunidade e evoluir – no sentido de vivermos melhor, de sermos melhores, de nos anteciparmos ao pior.

 

Ao longo da nossa vida, uma comunicação eficaz poderá fazer a diferença entre o sucesso e o insucesso, no limite, até entre a vida e a morte. Desenvolver essa habilidade inata é, assim, das coisas mais importantes que pode fazer por si.  Dale Carnegie, um dos escritores mais bem-sucedidos do século XX, autor de mais de 50 títulos e de alguns dos livros mais vendidos e influentes de sempre, sabe como ajudá-lo nessa missão.

 

Do livro:

 

«A comunicação não é uma via de sentido único. Não se trata apenas de quem comunica  enviar uma mensagem a outra parte. Para ser eficaz tem de ser uma auto-estrada de dois sentidos, com o feedback a fluir continuamente de um lado para o outro. O emissor da mensagem deve procurar e receber feedback do receptor. O comunicador tem de ter sempre a certeza de que aquilo que envia é entendido e aceite pelo destinatário. Para isso, o emissor deve fazer perguntas, observar o que é observável e, se houver mal-entendidos, corrigi-los e certificar-se de que as correcções são compreendidas. Com este livro, vai aprender algumas estratégias para melhorar tanto a sua comunicação oral como escrita — passos  fundamentais para se tornar mais bem-sucedido no trabalho e em todos os aspectos da sua vida. Aprenderá como aperfeiçoar as técnicas de comunicação oral, desde a experiência diária de falar directamente com outra pessoa — a arte da conversação — até discursar em público para uma grande audiência ou apresentar um relatório a membros de um grupo ou de uma comissão. Aprenderá a escutar realmente o que a outra pessoa está a dizer de modo a compreender a mensagem por completo. Aprenderá como a linguagem corporal melhora, ou desvaloriza, a sua mensagem, e como interpretar a linguagem corporal dos seus interlocutores. Também aprenderá como tornar as comunicações escritas — quer sejam cartas, memorandos, e-mails ou mensagens de texto — claras, concisas, completas e mais apelativas para o leitor.»

 

 


sábado, 3 de abril de 2021

 


A Magia do Agora, o novo livro da “nova voz do budismo” Kankyo Tannier

E se fosse possível fincar os pés no momento presente e, finalmente, sentir a magia do agora?

Novo livro da monja budista Kankyo Tannier chega hoje às livrarias.

 

«Viver na espiritualidade é aprender a detectar as ínfimas quantidades de magia que se aninham no nosso quotidiano.»

 

Nesta obra, Kankyo Tannier, a monja budista que conquistou o mundo com o bestseller A magia do silêncio, ensina-nos a abrir espaços de calma e consciência no nosso dia-a-dia e apresenta meditações e rituais simples para viver com plenitude e felicidade.

 

Com delicadeza e de forma prática, este livro ajuda-nos a recuperar o foco, a energia, a intuição e o equilíbrio. Assim, abrimo-nos para o momento presente e permitimos que a magia da vida se manifeste à nossa volta.

 

 

O poder do sorriso

Pratique o sorriso. Se finge que sorri, acaba por sorrir de verdade, e, em poucos segundos, o seu humor muda.

Retorno ao corpo

Pare por um instante e sinta o seu corpo: onde dói, onde se sente bem. Essa percepção ancorá-lo-á no presente e fará com que se sinta vivo.

 

O primeiro pensamento

Quando, ao despertar, atenta nos seus hábitos mentais, diminui a influência dos pensamentos negativos e pode viver o seu dia de forma mais leve.

 

Detox digital

Não tenha medo do mal-estar que surge quando desliga o telemóvel. Aprender a lidar com as emoções desagradáveis é a chave para a liberdade.

 

sexta-feira, 2 de abril de 2021

Conversa com o escritor Manuel do Nascimento este sábado dia 03 de Abril , na RTP Internacional e RTP 1, no programa Hora dos Portugueses

 

Manuel do Nascimento, nasceu em Portugal e está radicado em Paris desde 1970.

Desde jovem um apaixonado por História, fez com que em terras gaulesas começasse a escrever vários livros em português, francês e ainda em português/francês- de modo a promover a história de Portugal. 

É considerado um autor anti obscurantismo pela história do seu povo. 

“Só é vencido quem desiste de lutar” 
Colabora com vários jornais dentro da comunidade portuguesa em França e no Canadá, desde há vários anos. 
Leitor na Fundação Calouste Gulbenkian em Paris, desde 2012. Faz ainda parte do grupo de pré-seleção nacional dos primeiros romances de autores portugueses publicados no último ano, cujo objetivo é a participação dos mesmos no Festival do Primeiro Romance de Chambéry, em França.
  



último livro do autor


 


D.A.D.- DESEMPREGADO, ARTISTA, DONA DE CASA De Alexandre Esgaio

Um livro de banda desenhada feito de pequenos momentos na vida de um pai de duas filhas irrequietas, inteligentes e muito senhoras de si.

 

Sinopse:

 

Um pai, duas filhas. Uma casa para arrumar, roupa para lavar, comida para fazer, crianças para ir buscar à escola, birras, quedas, caos, alegria, humor e amor.

 

Assim são os desenhos de Alexandre Esgaio, umas vezes amorosos, outras hilariantes, misturados com referências a grandes nomes da arte, pequenas homenagens espalhadas ao longo do livro e que nos apanham de surpresa.




quinta-feira, 1 de abril de 2021

Conversa com o escritor Manuel do Nascimento este sábado dia 03 de Abril , na RTP Internacional e RTP 1, no programa Hora dos Portugueses


Manuel do Nascimento, nasceu em Portugal e está radicado em Paris desde 1970. 

Desde jovem um apaixonado por História, fez com que em terras gaulesas começasse a escrever vários livros em português, francês e ainda em português/francês- de modo a promover a história de Portugal. 

É considerado um autor anti obscurantismo pela história do seu povo. 

“Só é vencido quem desiste de lutar” 
Colabora com vários jornais dentro da comunidade portuguesa em França e no Canadá, desde há vários anos. 

Leitor na Fundação Calouste Gulbenkian em Paris, desde 2012. Faz ainda parte do grupo de pré-seleção nacional dos primeiros romances de autores portugueses publicados no último ano, cujo objetivo é a participação dos mesmos no Festival do Primeiro Romance de Chambéry, em França.  



último livro do autor





A PENSAR TER UM CACHORRO?, de Ana Emauz, Treinadora na Off Leash - Educação e Treino Canino


Se é a primeira vez que vai ter um cachorro este artigo é para si. Se é um tutor com mais experiência, leia na mesma pois nunca se sabe, o treino e o comportamento canino não param de evoluir e poderá encontrar informação válida para si também.

Durante este período de pandemia, e com os sucessivos confinamentos, muitas famílias pensaram em adquirir um cão. A imagem de um cachorrinho gera sentimentos calorosos e emocionais, que em tempos conturbados são

bastante mais valorizados. Por outro lado, as pessoas estão a passar mais tempo em casa, o que as leva a pensar numa maior disponibilidade para a adição de um novo membro.

No entanto, há muita coisa a ponderar antes de tomar a decisão de trazer um cachorro para casa.

O que devemos ter em conta?

O tempo de vida de um cão.

Em primeiro lugar, pensar que será um compromisso a longo prazo, entre 12-15 anos, com sorte alguns anos mais. Lembre-se que a sua escolha não deve ser emocional ou

feita por impulso, mas sim bem pensada e estruturada, é uma decisão a longo prazo que vai envolver pelo menos uma década da sua vida. E nesse tempo, pode ter de mudar de casa, de emprego, alterando também a sua disponibilidade, pelo que há de ter em conta os vários cenários possíveis.

Disponibilidade de tempo.

Em segundo lugar, deve pensar no tempo que vai ter disponível para o seu cão nestes próximos anos. Mais do que o espaço, o tempo é fundamental, e deve incluir várias actividades diárias como os passeios, brincadeiras, e estimulação mental.

Embora os cães possam variar muito nas suas necessidades físicas e mentais, todos os cães, e sobretudo os cachorros, precisam que lhes dediquemos tempo e atenção todos os dias. E por isso, muito mais importante do que o espaço que têm (local onde vivem), é o tempo disponível para se dedicarem ao vosso cão diariamente. Mesmo que tenha um jardim, quintal ou quinta, o seu cão não vai brincar e correr sozinho, precisa de si para o fazer. E precisa de si para o levar à rua e conhecer outros locais, pessoas e cães. Um jardim não chega para um cão, da mesma maneira que viver dentro de quatro paredes não chega para nós humanos. Aliás estamos agora a experienciar um pouco do que é viver fechado em casa, com a vantagem de termos tecnologias que nos permitem estar em contacto com outras pessoas, televisão, tablets, livros, jogos e tanta coisa variada com que entreter a mente. Os cães só conseguem aceder a esse tipo de variedade, se nós lhes oferecermos, tanto em forma de brincadeira e jogos, como através de passeios a locais diferentes onde ele possa cheirar e explorar coisas novas.

E já agora, aproveito para dizer que arranjar outro cão para fazer companhia ao primeiro, pensando que desta forma o cão irá divertir-se e não precisará tanto da sua atenção, é um erro crasso. Porque cada cão tem a sua personalidade, é difícil prever a curto prazo se dois cães distintos vão gozar da presença um do outro. E mesmo que gozem da companhia um do outro, o seu tutor continuará a ter de os passear, brincar e estimular mentalmente todos os dias, mas agora a dobrar.

Disponibilidade financeira.

Depois há que considerar o factor financeiro. Por um lado, as despesas com a saúde/veterinário que são maiores no início e final de vida da vida do cão. Por outro, as despesas com a alimentação, que podem ter um peso maior nas contas mensais, embora dependa muito do tamanho, metabolismo e actividade do cão. O tema da alimentação canina daria para escrever um artigo por si só, o importante a reter é a mais valia de darmos uma boa alimentação aos nossos cães, baseada em matérias primas de qualidade, o que a longo prazo irá reflectir-se na saúde e bem estar do seu cão.

Outro custo a ter em conta durante a vida do seu cão, são as aulas para cachorros, e outros treinos ou actividades que queira fazer. Infelizmente em Portugal está pouco enraizado o hábito de frequentar cursos/aulas dirigidos a cachorros, mas preciso sublinhar, e não tenham qualquer dúvida, da importância destas aulas para ajudar a moldar a personalidade e o comportamento do vosso cão, preparando-o para uma vida em sociedade. Estas aulas permitem aos treinadores identificarem dificuldades, receios e incertezas dos vossos cachorros e ajudá-los a ultrapassá-los de forma tranquila e rápida. A maioria dos problemas que os treinadores enfrentam com cães adultos, e que levam meses a resolver, podiam ter sido resolvidos nas aulas para cachorros em poucos minutos.

Adicionalmente, e com menos peso na carteira dos tutores, mas não menos importante, estão os brinquedos, ossos e outros objectos de estimulação mental.

Preparado para ver a sua casa mudar?

Por fim, quando adiciona um patudo ao seu ambiente familiar há que ter em conta que terá uma casa mais preenchida com pelos, baba, terra, móveis roídos, buracos no jardim, plantas comidas, meias roubadas, almofadas e outros objectos estragados. O mais provável é que não sejam estes todos ao mesmo tempo, ainda assim mais vale se preparar para o pior, e prevenir. No início terá de adaptar a sua casa para o seu novo cachorro, mas com o tempo, treino e paciência, depressa poderá usufruir de uma nova companhia na sua vida.

Se pensou bem nos seus dias e rotinas, na sua disponibilidade, na sua carteira, e está decidido a adicionar um elemento canino à sua vida, o próximo artigo irá ajudá-lo a decidir qual o cão mais indicado para si, e como preparar a sua chegada à casa.

Até lá, uma boa semana!

www.dogoffleash.com

 

ESTRANHEZAS, DE MARIA TERESA HORTA

 ESTRANHEZAS, DE MARIA TERESA HORTA, VENCE PRÉMIO CASINO DA PÓVOA – CORRENTES D’ESCRITAS


Com o livro Estranhezas, publicado pela Dom Quixote em Outubro de 2018Maria Teresa Horta, que era uma das onze finalistas, acaba de ser anunciada vencedora do Prémio Literário Casino da Póvoa, integrado na 22.ª Edição do Festival Literário Correntes d’Escritas, que hoje mesmo teve início na Póvoa de Varzim.

O júri do prémio, constituído por Daniel JonasInês PedrosaJosé António GomesLuís Caetano e Marta Bernardes, tomou esta decisão por maioria e justificou-a afirmando que Estranhezas é uma “síntese de um percurso poético ancorado na celebração do corpo e do desejo, que estabelece um diálogo transgressor com a tradição lírica e medieval e renascentista”, ao mesmo tempo que salientou o facto de a autora ter criado “um glossário e uma sintaxe muito pessoais, um idioma singular que subverte e actualiza a ideia da poesia como um canto celebratório, brincando com as convenções da rima e do ritmo, fazendo-as implodir num erotismo vital, que se exerce numa contínua experimentação dos limites da nudez e mistério da palavra”.

Estranhezas é um livro composto por sete capítulos que não encobrem uma continuidade quase vital: No EspelhoPaixãoDa BelezaAlteridadesTumultoFerocidades e À Beira do Abismo
É que se o eu horteano está bem patente nos primeiro, segundo e último capítulos, os outros e outras de AlteridadesTumulto e Ferocidades são magníficos desenhos traçados pela mesma mão que escreveu os primeiros.
Tudo isto sob o signo da asa. Que a capa de Dürer bem afirma, e o poema A Asa, da contracapa, explana, numa poderosa manifestação do talento da autora.

Maria Teresa Horta sucede assim ao escritor angolano Pepetela que no ano passado, quando o prémio se destinou a obras em prosa, o venceu com o romance Sua Excelência, de Corpo Presente, igualmente publicado pela Dom Quixote.

Nascida em Lisboa, onde frequentou a Faculdade de LetrasMaria Teresa Horta, escritora e jornalista, estreou-se na poesia em 1960, com Espelho Inicial; no ano seguinte participou com Tatuagem em Poesia 61. Tem a sua obra poética editada (17 títulos, entre os quais o inovador Minha Senhora de Mim, recentemente reeditado) e coligida em Poesia Reunida (2009).
Posteriormente, trouxe a público Poemas para Leonor (2012), A Dama e o Unicórnio (2013), Anunciações (2016) – Prémio Autores SPA / Melhor Livro de Poesia 2017 –, Poesis (2017) e, para além de Estranhezas, a antologia pessoal Eu Sou a Minha Poesia (2019).

Na ficção, é autora de Ambas as Mãos sobre o Corpo (1970), Ana (1974), Ema (1984), Cristina (1985) e A Paixão segundo Constança H. (1994) e co-autora, com Maria Isabel Barreno e Maria Velho da Costa, das internacionalmente reconhecidas Novas Cartas Portuguesas (1972).
Em 2011, publicou As Luzes de Leonor, romance sobre a Marquesa de Alorna distinguido com o Prémio D. Diniz, da Fundação da Casa de Mateus. Em 2014, ano em que lhe foi atribuído o Prémio Consagração de Carreira pela Sociedade Portuguesa de Autores, editou o volume de contos Meninas.
Com livros editados no Brasil, em França e ItáliaMaria Teresa Horta foi a primeira mulher a exercer funções dirigentes no cineclubismo em Portugal e é considerada uma das mais destacadas feministas da lusofonia. 




quarta-feira, 31 de março de 2021

 Nessa Art Spot: Peças personalizadas, feitas à mão, com base em fotos do seu animal de estimação. O presente perfeito para todos aqueles que têm uma família de quatro patas!

https://www.facebook.com/NessaArtSpot





terça-feira, 30 de março de 2021

Livraria Bertrand da Avenida de Roma reabre após obra que reconstituiu o projeto original da autoria de António Gomes Egêa

 











Depois de mais de dois séculos de existência em que dispôs de uma única livraria no Chiado, foi apenas na década de 60 do século XX que a Livraria Bertrand iniciou o caminho de abrir outras livrarias, tendo começado pela Avenida de Roma, em Lisboa (1963), à qual se seguiram livrarias em Coimbra (1970), Porto (1972), Faro (1978) e Viana do Castelo (1979).

A livraria foi sempre lugar de encontro de inúmeros artistas, escritores e jornalistas, atraídos pelo cosmopolitismo da Avenida de Roma, que a viu nascer há 58 anos:

"Eis a elegância das cores esbatidas, sossegados verdes e rosas-pastel, os prédios discretamente comedidos, num alinhamento de harmonias burguesas, distintas, reservadas, boas marcas, (…) recato de vida, golas altas, casacos tweed, bombazinas caras, livros em francês." (Mário de Carvalho, Arte de Morrer Longe).

Como recorda Elísio Borges Maia, administrador da Livraria Bertrand,

"George Lucas (administrador entre 1948 e 1975) assinou, em julho de 1963, o contrato de arrendamento para a segunda livraria no n.º 13-B da Avenida de Roma, e terá sido ele a encomendar ao Arq.º António Gomes Egêa (1910-1989) o respetivo projeto, que este concebeu com grande engenho e inteligência e se materializou numa livraria de grande beleza e singularidade. Sucessivas obras descaracterizaram-na muito. Felizmente, as fotografias do grande fotógrafo Mário Novais (1899-1967) foram um auxílio precioso na reconstituição do projeto original. Além da beneficiação da fachada, a carpintaria e mobiliário foram restaurados e recuperaram-se caixilharias, montras e o guarda-corpo do mezanino. A livraria cujas portas hoje reabrimos e colocamos à disposição de todos (que a conhecem ou ainda não a descobriram) é o resultado do trabalho de uma vasta equipa e constitui o nosso preito aos que (como George Lucas) escreveram a história da Bertrand e foram passando o testemunho que agora, temporariamente, seguramos."

A partir de hoje, a nossa livraria – muito orgulhosa do seu passado, mas com os olhos postos no futuro – está novamente à sua disposição e contará com uma oferta mais alargada e com uma programação cultural regular. Visite-nos.

 


A ARTE DA GUERRA DE SUN TZU PARA MULHERES

 SINOPSE

Os ensinamentos de Sun Tzu, aqui adaptados para as mulheres, foram ajuda preciosa para estas encontrarem o caminho pacífico para o sucesso por meio de estratégias e abordagens que ficaram famosas no antigo texto chinês: A arte da guerra. A sabedoria feminina, ou o bom senso, trata de evitar confrontos desnecessários, conservar energia para as coisas que importam e procurar um resultado em que todos saiam vencedores. E para as mulheres, como para Sun Tzu, o sucesso não vem simplesmente de saber o que fazer, mas de saber quem somos.

 

A Arte da Guerra de Sun Tzu para Mulheres vai ajudá-la a considerar o que deseja alcançar e porque deseja alcançá-lo. Cobrindo os princípios intemporais de Sun Tzu ponto a ponto, num tom simples e prático, mostra como pode encontrar os seus pontos fortes, enfrentar os seus pontos fracos, lidar com os obstáculos e forjar a sua própria e única identidade através da carreira e da vida pessoal. Seja qual for o caminho a seguir, este livro dar-lhe-á estratégias, tácticas e exemplos práticos daquilo que precisa para aumentar a sua probabilidade de sucesso - e desfrutar durante todo o processo.




domingo, 28 de março de 2021

 Nessa Art Spot: Peças personalizadas, feitas à mão, com base em fotos do seu animal de estimação. O presente perfeito para todos aqueles que têm uma família de quatro patas!

https://www.facebook.com/NessaArtSpot





quarta-feira, 24 de março de 2021

 Nessa Art Spot: Peças personalizadas, feitas à mão, com base em fotos do seu animal de estimação. O presente perfeito para todos aqueles que têm uma família de quatro patas!

https://www.facebook.com/NessaArtSpot





domingo, 14 de março de 2021

 Nessa Art Spot: Peças personalizadas, feitas à mão, com base em fotos do seu animal de estimação. O presente perfeito para todos aqueles que têm uma família de quatro patas!

https://www.facebook.com/NessaArtSpot





segunda-feira, 8 de março de 2021

POESIA INÉDITA| "Mulher", Por Isabel de Almeida


 Poema Inédito escrito por Isabel de Almeida, Jornalista, Crítica Literária e Editora Nova Gazeta e Diário do Distrito a propósito do dia 8 de Março, Dia Internacional da Mulher.


Mulher


Mulher do salto alto

Do batom vermelho

Do riso solto



                                                                  

                                                                  Mulher do grito mudo

                                                                  Do segredo guardado

                                                                  Da lágrima que escondes


                                                                 Mulher da ousadia

                                                                 Da coragem

                                                                 Do grito louco


                                                                Mulher do sacrifício

                                                                Da entrega

                                                                Da vitória


                                                                Mulher da calmaria

                                                                Do amor puro

                                                                Do amor vivido


                                                                Mulher da alma inquieta

                                                                Tu que estás certa

                                                                Corrige este mundo!


 Isabel de Almeida | 08 de Março de 2021

Sobre a Autora:

Nasceu em Lisboa a 7 de Agosto de 1974

Licenciada em Direito e Mestre em Psicologia Clínica

É Jornalista, Crítica Literária, Editora, Advogada e Formadora Certificada

A escrita, os livros e a leitura são paixões onde se refugia no seu mundo.


 

domingo, 7 de março de 2021

 Nessa Art Spot: Peças personalizadas, feitas à mão, com base em fotos do seu animal de estimação. O presente perfeito para todos aqueles que têm uma família de quatro patas!

https://www.facebook.com/NessaArtSpot