quinta-feira, 18 de agosto de 2016

[Lifestyle - Locais] Jardim do Campo Grande - Lisboa


Texto e Fotos: Isabel de Almeida

Nova Gazeta & Diário do Distrito


Após um período triste de degradação crescente, o Jardim do Campo Grande, em concreto a ala Norte, onde se localiza o célebre lago onde gerações de Lisboetas andaram de barco a remos e o Edifício do Caleidoscópio voltam agora a afirmar-se como importantes zonas de convívio e lazer no coração da cidade, e bem perto da Cidade Universitária.

Obras de requalificação levaram à impermeabilização do lago, à recuperação da área envolvente, estando já concessionado o Restaurante e esplanada sobre o lago, com o sugestivo nome de "Casa do Lago", um espaço agradável, com serviço simpático, que convida a tomar uma refeição, a comer um gelado, ou a ler um livro na esplanada acompanhado de um delicioso café, com vista para o lago do Campo Grande.

É novamente possível andar de barco a remos no lago, mantendo uma tradição que recupera saudáveis memórias da infância de tantos Lisboetas.

Também o belíssimo edifício do Caleidoscópio ganhou nova vida, após anos de abandono, sendo agora ocupado por um agradável restaurante da cadeira de Fast-Food McDonalds, e decorrendo na área do antigo Centro Comercial Caleidoscópio obras levadas a efeito por iniciativa da Universidade de Lisboa (Concessionária do Edifício) que ali pretende estabelecer um Centro Académico, o que também permite trazer a comunidade estudantil de volta aquela zona, podendo usufruir de uma lindíssima e agradável zona verde da cidade que, durante anos, esteve perdida no meio de uma crescente degradação e que agora recupera o seu esplendor e atractividade.

Um espaço ideal para desfrutar a sós, com amigos, família ou colegas ou, porque não, numa saída romântica a dois.

Recomendamos o serviço e a simpatia do pessoal da Casa do Lago, o restaurante e esplanada com vista de excelência para o magnífico Lago do Campo Grande.






É uma excelente notícia ver a cidade de Lisboa recuperar um dos seus espaços verdes de excelência.

Sem comentários:

Publicar um comentário