segunda-feira, 24 de maio de 2021

Sinta-se Livre, de Zadie Smith

Zadie Smith consagrou-se não só como uma das escritoras de ficção mais proeminentes da actualidade, mas também como uma brilhante e singular ensaísta.

Sinta-Se Livre, que reúne textos inéditos e ensaios que já são clássicos, é disso um claro exemplo. Dividido em cinco partes – No Mundo, Entre o Público, Na Galeria, Na Estante e Sinta-Se Livre –, esta obra coloca questões que imediatamente reconhecemos: O que são de facto as redes sociais? Como vamos explicar aos nossos netos o fracasso colectivo em lidar com as alterações climáticas?

Ao mesmo tempo, leva-nos numa viagem pelo mundo da literatura – visitando a obra de Philip Roth, Ballard, Javier Marías, H. G. Wells e tantos outros –, do cinema, da arte e da música – de Billie Holiday a Jay-Z; e oferece-nos um olhar sobre eventos políticos e culturais recentes, como o Brexit, a era Trump, a complexidade de se ser mestiço, o racismo e o surgimento do movimento Black Lives Matter.

Em Sinta-se Livre, Zadie Smith é irónica, sincera, indignada e incisiva.



Sem comentários:

Enviar um comentário