quarta-feira, 15 de junho de 2016

[Reportagem Especial] James McSill em Lisboa para o Congresso Luso-Brasileiro de Autores

Texto: Reliane de Carvalho
Autora dos Livros "Menina dos Olhos da Alma"

Fotos: D. R.

No dia 04 de junho de 2016, aconteceu em Lisboa o VI Congresso Luso-Brasileiro de autores – James Mcsill, no auditório do El Corte Ingles.
James McSill é um especialista em Storytelling que ajuda a autores escrever histórias mais apropriadas para publicação comercial, mas trabalha também com atores, diretores e outros profissionais de cinema, TV e teatro. E não é só isso, trabalha com Storytelling empresarial, ajudando empresas a melhor alinharem suas histórias. James é um dos mais renomados consultores literários do mundo. Um "Guru da Palavra", que percorre o mundo com sua forma especial e talentosa de "Ser", a trabalhar em 5 países, em 15 cidades, e acompanhar autores, através da facilidade que hoje o mundo informatizado proporciona, em todos os cantos do globo terrestre. Seu Studio McSill é localizado em Yorkshire, na Inglaterra.

James McSill nasceu no interior do Rio Grande do Sul, no Sul do Brasil. Quando criança mudou para a Escócia onde cresceu. Durante a sua vida laboral trabalhou em Glasgow nos primeiros sistemas informáticos de análise de texto e ensino de línguas, num grande projeto que o projetou para o mundo. Aos 42 anos quando houve uma brusca rutura com este processo de trabalho, o Universo o forçou a procurar novos horizontes, e após aceitar os desafios de uma amiga na orientação de seu livro, deu seus primeiros passos rumo ao grande projeto que certamente marcou e marca a sua vida, o de se tornar um grande e respeitado consultor literário no mundo. E hoje é conhecido como o “Guru da palavra” pelo seu vasto trabalho na América Latina, América do Norte e Europa, estendendo-se, agora, à Ásia. Com um trabalho e um talento singular. 

E quem teve a oportunidade de ouvi-lo e participar de suas formações é testemunha de todo o conhecimento que possui, da sua força expressiva, da sua capacidade de utilização de metáforas para exemplificar a importância de uma ação. É testemunha das variantes que marcam o seu grande trabalho, realizado por quem tem um grande domínio da língua falada e escrita, de sua utilização, e de todas suas variações linguísticas. James McSill tem força expressiva e uma capacidade inata de desenvolver e motivar pessoas. É um fenômeno no domínio da palavra.


O evento contou com a presença de escritores, artistas, autores, editores e várias pessoas que trabalham no segmento da arte literária direta ou indiretamente. Fez parte da mesa oradora, o próprio James McSill, seu representante em Portugal Ricardo Laranjeiras, licenciado em Comunicação Empresarial com pós-graduação em Finanças Empresariais aplicadas à Comunicação. Professional Coach e Master em PNL. Consultor em Panorama Social. Certificado em Storytelling. Terapeuta em Psicologia Transpessoal pela Escola Espanhola de Desenvolvimento Transpessoal. Especialista em Marketing e Comunicação é Formador, Consultor e Coach na Comunicação Mais Eficaz. A Helena Campos Licenciada em Assessoria de Administração, e percurso profissional em Decoração e gestão de empresas. Deu formação na área de vendas e atendimento ao publico. Após Certificação em Storytelling com James McSill, e numa ousadia inesperada comunicou a sua vontade de escrever. No lugar certo, com a pessoa certa, o que até ali não passava de uma miragem, ganhou dimensão e forma. Iniciou então a aventura da escrita com o intuito de publicação. Atualmente divide o seu tempo entre a escrita e a gestão de património turístico. Carla Carvalho Dias, licenciada em Engenharia Mecânica no ramo de Termodinâmica & Fluidos, pela Universidade de Coimbra e assim e como missão de vida: "Contribuir para a melhoria da cultura de serviço em Portugal e porque não no Mundo", tendo nesse sentido fundado a Top Service Academy®. Neide Gomes Barros, mestra em Gestão Empresarial pela Universidade Autônoma de Lisboa (UAL). Sócia-diretora da CAB Consultores Associados do Brasil desde 1996.  Autora do Livro: "Desafios na arte da construção": e o livro infantil "Clara e Fada a dos Livros". Josi Gomes, economista e sócia da empresa Consultores Associados do Brasil (CAB), onde vem dedicando boa parte de seu tempo, em temas relacionados a sustentabilidade. Em sua experiência de pouco mais de 20 anos, colaborou com a implementação de projetos de consultoria em várias empresas de diversos segmentos no Brasil. Cacá Fontana, advogada internacional, com formação na Universidade de São Paulo e em Harvard, a qual lançou a revista Pense Mais em Janeiro de 2015. Maureen Miranda, artista multifacetada, pois além de atriz e diretora, também é artista plástica, ilustradora e figurinista. Nascida em Pato Branco, se divide entre Curitiba e Rio de Janeiro, aonde atualmente grava uma novela da TV Globo sob direção de Wolf Maya. Helena Andrade, escritora, gestora pública com especialização em educação permanente, consultora de administração pública, professora/apoiadora no curso de gestão de serviços de saúde na Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP, palestrante e professora de Yoga. Fernando Gabriel Silva, com 20 anos de experiência no sector editorial, começou como distribuidor e importador de livros do Brasil, tendo a representação de grandes editoras brasileiras em Portugal, o qual desde 2006 entrou na edição e publicação de livros. Já publicou mais de 300 novos títulos e hoje representa os principais autores palestrantes/formadores em Portugal. O qual move-se pelo sonho de publicar livros, não para um país, mas para o mundo. Angelo Rodrigues ccoordenador do projeto de Comunicação, divulgação e promoção CriaPromove (www.criapromove.com). Licenciado e pós-graduado em Filosofia pela Faculdade de Letras da Universidade Clássica de Lisboa. Jornalista (Imprensa / Rádio / TV / Cinema) - (Apresentou programas na Rádio Renascença, Voz de Almada e Voz do Entroncamento), professor de ciências sociais e humanas, revisor, editor, coordenador/diretor literário de várias editoras (diretor literário das EDIÇÕES COLIBRI), promotor de eventos, apresentador, escritor (com vários livros publicados). E o Bruno Valente editor de livros e empresário. CEO do grupo Editorial Valente, no Brasil. Master Coach, Master Practitioner & Trainer em PNL, com foco em produção editorial. Empreendedor Digital. Idealizador do programa Livro de Sucesso.

O grande evento de James McSill em Portugal, o Congresso Luso- Brasileiro, teve todas as vagas previamente preenchidas com bastante antecedência e deixou provavelmente muitos interessados sem terem oportunidade de participar. Foi um verdadeiro sucesso, que preencheu com entusiasmo a maioria dos participantes, o que ficou retratado na fisionomia de cada um ali presente no término do evento. E também muito evidente na oratória dos participantes que se pronunciaram após o final do discurso dos oradores que compunham a mesa, num especial momento aberto ao público para perguntas e colocações.

O grande sucesso do evento que foi o primeiro ano que aconteceu em Portugal, tendo sido os outros 5 anos realizados no Brasil, na cidade de São Paulo, é fácil de se explicar: _ O mentor do trabalho, o James McSill, é considerado um dos fenômenos da atualidade na arte de conduzir autores a construir uma "história viável para publicação". Em seu discurso falou com maestria sobre a arte de contar história, fomentando a importância dos principais quesitos para a construção de uma história de provável sucesso. E posso ressaltar como participante do evento, que além de todo o talento que possui, uma das prováveis justificativas de todo o seu sucesso é sua forma de “Ser”, porque James McSill é uma pessoa simples, que embora possua um grandioso talento, carrega e evidencia a todo e qualquer momento, o maior talento que um “Ser humano” pode ter,  a humildade e a simplicidade, que o faz um "Ser Infinitamente Grande".

E  a passagem literária do grande consultor James McSill em Lisboa não se limitará apenas ao Congresso que especifiquei acima, haverá a Certificação Internacional de Storytelling, com três dias de formação, que se dirige a um vasto grupo, formadores e professores, coaches e terapeutas, escritores e atores, diretores gerais, diretores de RH, consultores de empresa, jornalistas e publicitários, oradores e palestrantes, gestores de redes sociais, e todos aqueles que tenham uma mensagem ou história para transmitir. Segundo os organizadores do evento, durante os três dias de formação, serão trabalhadas o desenvolvimento de habilidades colaborativas para o desenvolvimento da função profissional dos participantes, independente do seu segmento no Mercado de Trabalho. Porque contar histórias é para todos nós, afirmam os organizadores, “STORYTELLING, entretanto, como desenvolveremos nestes três dias de formação, deve ser definido como o ato consciente de passar emoções, temas ou posições morais da mente do mensageiro à mente do interlocutor e levar o interlocutor a agir. Isto é: estruturar uma narrativa com um propósito, dentro dela, ser capaz de embutir ordens e informações que levem o interlocutor a se engajar, compelindo-o a tomar uma posição, realizar uma tarefa, aceitar ou rejeitar uma proposta, emocionar-se com um texto escrito ou falado. Se isto for feito com maestria você será mais capaz de levar adiante a sua agenda pessoal, a de sua empresa, a de seu grupo de teatro, a de seu cliente. Será capaz, sobretudo, de levar adiante ações transformadoras, enquanto o seu interlocutor apenas relaxa e aprecia as histórias que você tem para lhe contar.”

A Certificação Internacional de Storytelling, em Lisboa, acontecerá nos dias 17,18,19 de Junho de 2016. Não tenho dúvidas, de que este próximo evento de James McSill será um novo grande sucesso, sou prova viva de todo o talento que possui, pelo que já conheço do seu trabalho. E se fosse tentar arranjar uma nova denominação no “Universo da palavra” para classificá-lo, além da classificação tão sabiamente utilizada que já lhe deram de “Guru da Palavra”, chamá-lo-ia de “Alma da palavra”, capaz de despertar outras almas para a sábia utilização de toda a arte de expressão que cada um de nós carrega no interior do nosso “Eu”.

Nota de redacção: O texto da presente reportagem encontra-se escrito na grafia de Português do Brasil, tal como foi escrito pela autora Reliane de Carvalho, a quem lançámos o desafio de ser nossa repórter neste evento. A Reliane o nosso muito obrigada pelo excelente trabalho.



Sem comentários:

Publicar um comentário