quarta-feira, 27 de abril de 2016

[Crime - Incêndio Urbano] Homem detido pela PJ por Incêndio em Pensão no Concelho da Póvoa de Varzim

A Directoria do Norte da Polícia Judiciária procedeu à identificação e detenção de um indivíduo de 47 anos de idade, por este ser o presumível autor de um crime de incêndio urbano verificado no quarto de uma pensão sita numa freguesia do Concelho da Póvoa de Varzim na noite de 28 de Março de 2016

Alegadamente motivado por desejo de vingança, tendo sido despejado do quarto da pensão onde ocorreu o ilícito criminal, devido à falta de pagamento do arrendamento de quarto, o suspeito terá ateado um foco de incêndio, utilizando um isqueiro para causar a combustão de uma mala de roupa e de um colchão. 

O incêndio apenas não foi causador de prejuízos mais elevados, visto ter sido detectado precocemente pelo proprietário do estabelecimento hoteleiro, que prontamente interveio para lhe pôr fim. 

Todavia, esta conduta criminosa, por motivo torpe, poderia potencialmente haver colocado em risco a vida e a integridade física de outros indivíduos que se encontravam no local.

O suspeito, detido e identificado pelas autoridades, é casado, tem a profissão de cozinheiro e será apresentado às autoridades judiciais competentes com vista a ver aplicadas as medidas de coacção tidas por convenientes.

Texto: Isabel de Almeida/Nova Gazeta

Foto: Arquivo Nova Gazeta/Direitos Reservados

Fonte: Gabinete de Imprensa PJ

Sem comentários:

Publicar um comentário