segunda-feira, 21 de agosto de 2017

ANIMAIS | RINOCERONTE NEGRO

Embora referido como "negro", a sua cor varia do castanho ao cinzento.

Fêmea e filhote no Parque Nacional EtoshaA espécie é classifica como criticamente em perigo, mas três subespécies já foram declaradas extintas, como declarado pela IUCN em 2011.

A espécie foi nomeada primeiramente como Rhinoceros bicornis por Carolus Linnaeus (Lineu) na décima edição do Systema naturae em 1758. O nome significa "rinoceronte de dois cornos". Há alguma confusão sobre porque Lineu deu esse nome a essa espécie, dado que sua nomeação se baseou num crânio de rinoceronte-indiano (Rhinoceros unicornis), com um segundo corno adicionado artificialmente pelo coletor. Tal crânio fez com que Lineu mencionasse a origem da espécie como a Índia. Entretanto, ele também se refere a rinocerontes de dois chifres na África e o nome passou a se referir a todas as duas espécies de rinocerontes africanos (o rinoceronte-branco só foi reconhecido em 1812). 

Em 1911 foi oficialmente considerada a localidade tipo como o Cabo da Boa Esperança.

Os chifres do rinoceronte negro crescem até 8 cm por ano e podem chegar aos 1,30m de comprimento.

Fonte: Wikipedia e Jardim Zoológico de Lisboa

Questão: Que truques usa o rinoceronte para se proteger do sol e dos insectos?

Sem comentários:

Publicar um comentário