domingo, 20 de agosto de 2017

ANIMAIS | TEXUGO DO MEL

Ratel-do-cabo
ratel (Mellivora capensis), também conhecido comumente pelo vernáculo inglês texugo-do-mel. É um animal muito destemido e quase desprovido de medo. O ratel ataca e mata basicamente qualquer coisa que se movimente e demora apenas 15 minutos para comer uma cobra de 1,50 metros.

O ratel, é omnivoro, o seu nome vernacular de texugo-do-mel, deve-se às quantidades de mel que consome, conseguindo obtê-las com facilidade, a pele do ratel é muito grossa, não sendo penetrada pelos ferrões de abelha, isto também se aplica aos ferrões de escorpião, e dentes de cobra, animais que também constam da sua dieta, também estando imunizado contra o veneno dos mesmos.

Esta pele grossa também lhe oferece proteção contra dentes de animais maiores como lobos, leões, e leopardos, os quais nunca o atacam, tendo apenas o humano, como predador. Também se alimenta de lagartos, roedores e pássaros. O ratel possui um diferencial dos outros animais que é uma inteligência e facilidade para achar os pontos fracos dos oponentes rapidamente e assim obter sucesso na caça e na captura de suas presas, mas quando é defrontado por um outro macho da mesma espécie, ele comumente ataca primeiramente os testículos. O ratel é tão carniceiro que aparenta não ter critérios de seleção para aquilo que ataca, bastando estar no seu alcance visual (ou de ataque).

Ele é um dos únicos animais que usam ferramentas, por exemplo uma pilha de toras como escada.

O ratel é preto, com uma listra branca que se origina logo acima dos olhos e termina na ponta da cauda, cobrindo quase toda a largura das costas, de ombro a ombro. Essa coloração branca pode variar, dependendo da idade, região ou subespécie, podendo ser mais escura (quase cinza), ou até inteiramente pretos.

Fonte: Wikipedia e Jardim Zoológico de Lisboa

Questão: Como consegue este texugo fugir de um predador?

Sem comentários:

Publicar um comentário