segunda-feira, 21 de março de 2016

[ Desporto - Palmelense] O Palmelense enfrentou o Moitense com garra

Que grandes empatas… O Palmelense conquistou um precioso ponto frente ao líder Moitense. Mas esta jornada fica marcada por empates em todos os jogos, com os resultados de um a um.


Esta jornada poderia ficar marcada por uma curiosidade: as equipas empataram por 1/1 em todos os jogos.
 
O sintético do Cornélio Palma viveu uma tarde de festa com a banda da Humanitária a dar uma nota de alegria, perante os muitos adeptos, que encheram as bancadas para assistir ao jogo entre o Palmelense e o líder Moitense.

Os dois conjuntos mostraram que iriam lutar pela vitória, com os guarda-redes a brilharem. O jogo decorreu numa velocidade estonteante, onde qualquer uma das equipas se esforçava para arrecadar os três pontos. Mas na baliza do Palmelense o jovem guardião Gamito punha em campo toda a concentração, enquanto Pedro Silva na baliza do Moitense evitava as sucessivas investidas de Helder e de Bruninho, enquanto a trave da baliza parava as jogadas de maior perigo.

O Palmelense pressionava, obrigando os defesas do Moitense a algumas cargas duras, que deviam ser sancionadas com amarelos.

Mas Flávio Santos incentivava os seus pupilos, que numa jogada de grande confusão, levou até à baliza de Pedro Silva a bola atirada para a primeira defesa, na recarga voltou a não entrar e à terceira Pedro Xavier não perdoou e abriu o activo a favor da equipa da casa quando estavam decorridos 37 minutos da partida. Em cima do último minuto da primeira parte, Tiago Garcia apenas encontrou pela frente a trave da baliza.

E tal como acabou a partida para intervalo, assim começou a etapa contemplar desta vez com Sané a fazer balançar a trave da baliza.

Na sequência da marcação de um canto, Areeiro sobe nas alturas e bateu Godinho para o golo do empate, quando o cronómetro assinalava os 58 minutos.

Os adeptos que se deslocaram ao Campo Cornélio Palma tiveram oportunidade de assistir a uma excelente partida, apenas manchada pelos três cartões vermelhos, que obrigaram à saída de Sané (acumulação de amarelos aos 51’ e 76’), Areeiro (64’ e 90’+4’) e Pedro (90’+3’). Mas os amarelos também contemplaram Serico(46´), João Vasco (64’), Bruno Cruz (80´), Diogo (82’) e Neto (90’+1’).

O empate acabou por se ajustar ao trabalho realizado por ambas as equipas, que seguiram a tendência dos outros jogos. A equipa FC de Setúbal empatou em casa por 1/1 com o Alcacerense, enquanto o Vasco da Gama de Sines foi empatar 1/1 com o Paio Pires.

O Moitense lidera a classificação com 20 pontos, enquanto o Palmelense está em 3º lugar com menos dois pontos.
O próximo jogo realiza-se dia 3 de Abril com o Palmelense a deslocar-se ao Campo do Paio Pires.

Artigo Publicado em Parceria com Diário do Distrito

Sem comentários:

Publicar um comentário