segunda-feira, 7 de março de 2016

[Sociedade - Acidente ] Sovena admite que mortes em silo foi acidente de trabalho

A empresa já confirmou à agência Lusa que a morte de dois trabalhadores foi acidente de trabalho




A ocorrência deu-se este sábado pelas 16:30 no complexo industrial da empresa Sovena localizado em Almada, em que morreram um colaborador da empresa e um outro colaborador externo da Sovena.

Os dois homens de 58 e 37 anos, estavam a realizar uma limpeza num dos silos quando terão ficado asfixiados em farinha, a empresa já admitiu que se tratou de um acidente de trabalho, abrindo assim um inquérito para apurar as causas do mesmo.

Em comunicado a empresa salienta que <<a Sovena apresenta desde já a sua solidariedade para com as famílias e está disponível para prestar todo o apoio necessário em resultado desta trágica ocorrência>>.

Segundo o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Setúbal, os óbitos foram confirmados no local pela equipa do INEM que se deslocou para o acidente e que o silo onde se encontravam os trabalhadores tem cerca de 30 metros de altura e continha dois metros de farinha.

Os bombeiros da Trafaria estiveram no local com 15 operacionais, uma viatura médica de emergência e reanimação do Hospital de Santa Maria e elementos da GNR da Trafaria também prestaram o apoio necessário na realização de toda a operação de resgate.

Artigo Publicado em parceria com Diário do Distrito

Sem comentários:

Publicar um comentário