segunda-feira, 21 de março de 2016

[Crime] PJ detém grupo acusado de rapto e extorsão



Depois de ter apresentado queixa nas autoridades, um jovem de 19 anos ajudou as autoridades a identificar o grupo de quatro homens que o tinham raptado e ameaçado 


A Polícia Judiciária de Setúbal em colaboração com a GNR do Destacamento de Almada, conseguiu identificar e localizar quatro homens que são acusados de rapto e extorsão agravada.

Os homens de idades compreendidas entre os 19 e os 21 anos, foram detidos depois de serem localizados numa zona em que tinham combinado com outro para que o mesmo entregasse um valor de mil euros fruto de um pagamento de uma dívida que a vítima tinha com terceiros.

Os fatos ocorreram ao final do dia 18, quando os detidos, dois deles com antecedentes criminais, localizaram a vítima no Seixal e a transportaram, com recuso a violência física, a vítima foi transportada na própria viatura, para um local ermo, e lhe exigiram uma quantia de mil euros.

O jovem de 19 anos, alegou necessitar de tempo para lhes entregar o dinheiro, quando os quatro detidos lhe retiraram as sapatilhas, um blusão e o telemóvel, conseguindo-se libertar, surgindo descalço a apresentar queixa-crime no posto policial mais próximo.

No mesmo dia e depois de várias insistências dos detidos em marcar com ele novo encontro, no prazo concedido, que era até à meia-noite desse mesmo dia, o jovem foi acompanhado pelas autoridades que abordaram o grupo, na cidade de Almada.

Os detidos foram presentes, no passado sábado, a tribunal onde foi decretada a medida de coação de apresentações semanais.Diário do Distrito

Sem comentários:

Publicar um comentário